CSM CONFECÇÕES

sábado, 30 de agosto de 2014

Renan Barão desmaia, bate a cabeça e está fora do UFC 177

 


O brasileiro Renan Barão está fora do UFC 177. Ele enfrentaria, amanhã, o norte-americano TJ Dillashaw na revanche da disputa do cinturão do peso galo. O potiguar passou mal durante o processo de corte de peso, desmaiou e bateu a cabeça, de acordo com informações do site Combate.com. Segundo o site, Barão estava no quarto do hotel em Sacramento, local da luta, quando passou mal e desmaiou.  O lutador foi levado por uma ambulância e recebeu soro na veia – o que já impediria que ele atingisse o limite de peso da categoria, que é de 61kg. O ferimento na cabeça também agravou a condição do lutador, que ia tentar recuperar o título perdido para o próprio Dillashaw, em maio deste ano. Com o corte de Barão, Joe Soto, ex-campeão do Bellator e estreante no UFC, substituirá Barão e disputará o cinturão dos pesos-galos contra Dillashaw. Soto enfrentaria Anthony Birchak, que acabou ficando de fora do evento.

FONTE: http://new.d24am.com/esportes/lutas/renan-barao-desmaia-bate-cabeca-esta-fora-177/119006

Inscrições para o Vestibular e SIS da UEA iniciam segunda-feira (1) com mais seis novos cursos

Inscrições serão realizadas exclusivamente no portal da UEA até 30 de setembro. Taxa de inscrição do Vestibular é de R$ 40 e a taxa do SIS é R$ 35. Ao todo, são 6.650 vagas em cursos de graduação

O prazo de inscrição do Vestibular e do Sistema de Ingresso Seriado (SIS) 2014, acesso 2015, da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), começa nesta segunda-feira (1). Ao todo, os editais oferecem 6.650 vagas, incluindo as vagas destinadas aos indígenas. As inscrições seguem o dia 30 de setembro. As inscrições para as provas do Vestibular e SIS serão realizadas exclusivamente no portal da UEA (www.uea.edu.br). A taxa de inscrição do Vestibular é de R$ 40 e a inscrição do SIS é de R$ 35.

Para o Vestibular, são oferecidas 3.964 vagas, sendo 1.224 para a capital, 2.568 para o interior e 172 vagas destinadas aos indígenas. Já o edital do SIS, dispõe de 2.686 vagas, sendo 816 para capital e 1.712 para o interior do Estado, além de 158 vagas destinadas aos indígenas. 

Novos cursos

Este ano, serão oferecidos seis novos cursos: Farmácia, Engenharia de Materiais, Engenharia Eletrônica, Tecnologia em Jogos Digitais, Bacharelado em Química e Sistemas de Informações. Além disso, serão oferecidos mais 17 cursos com 78 turmas em 42 municípios no interior do Estado.

Provas

As provas do SIS acontecerão no dia 14 de novembro e as do Vestibular, nos dias 15 e 16 de novembro. As provas serão realizadas com início às 13h (horário de Manaus). Além das provas de Conhecimentos Gerais, os candidatos aos cursos de Música, Dança e Teatro também serão submetidos à Prova de Habilidade Específica, de caráter classificatório e eliminatório. A prova será realizada na Escola Superior de Artes e Turismo (Esat), localizada na Rua Leonardo Malcher, 1728, bairro Praça 14, em Manaus. A Prova de Habilidade Específica – Prova Prática - do Curso de Teatro e Prova Teórica de Conhecimento Específicos Musicais - do curso de Música – do curso de Música acontecerá no dia 12 de outubro. Já a Prova de Habilidade Específica – Prova Prática – dos Cursos de Dança e Música acontecerão no dia 19 de outubro.

O candidato para os curso de Música,Dança e Teatro deverá indicar uma segunda opção de curso, na mesma área de conhecimento, no ato da inscrição, que não seja igual a primeira opção de curso e não exija prova de Habilidade Específica. O candidato só concorrerá à segunda opção de curso em caso de reprovação na prova de Habilidade Específica.

FONTE: http://acritica.uol.com.br/noticias/Inscricoes-Vestibular-SIS-UEA-segunda-feira_0_1202279790.html

Chuva atrasa em três horas a abertura do 18º Festival de Cirandas de Manacapuru

A ciranda Tradicional, que abriu a apresentação deste ano, entrou na arena prejudicada por causa da chuva que danificou as alegorias e atrasou o início da festa nesta sexta-feira (29)

A chuva forte na tarde desta sexta-feira (29) atrasou em mais de três horas a apresentação da ciranda Tradicional. Segundo o professor Cláudio José, que faz parte da diretoria da agremiação, as alegorias que ainda estavam sendo montadas foram danificadas e por isso houve o atraso. Ainda segundo  o professor, mesmo  com os problemas, a Tradicional decidiu entrar na arena para competir e lutar pelo título de campeã do 18 Festival de Cirandas de Manacapuru. A ex-cirandeira e atual comentarista da Tradicional, Thalita Macena,  também atribuiu o atraso à demora da chegadas do  guindaste que permite montar as alegorias dentro do cirandódromo. "Umas das alegorias mais prejudicadas foi o castelo das princesas onde as surpresas preparadas durante vários meses iriam acontecer”, explicou Thalita.

Entre os torcedores, o clima era de revolta pela demora da apresentação. De acordo com a professora Valdence Coelho, 34, o atraso e a falta de informação da organização foi uma falta de respeito, pois os torcedores fiéis da ciranda esperam o ano inteiro por esse momento. “ Só vou ficar para assistir porque sou apaixonada por essa ciranda”, disse a professora. A torcedora Priscila Santos, 21, preferiu ir embora para casa e voltar somente na apresentação da ciranda Flor Matizada, que acontece esse sábado. “Não é a minha ciranda do coração, então prefiro ir embora porque esse atraso é desrespeito com o público”, destacou Priscila.

Com o tema “Sonhos Sonhados, Manacapuru Festival Encantado”, a ciranda Tradicional  pretendia mostrar para o público personagens da literatura mundial conhecidos do imaginário infantil, como Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho e Peter Pan, travando batalhas em uma floresta encantada onde o amor e o ódio se escondem. Antes do show, Brígida disse estar confiante que o titulo do festival 2014 seria da Tradicional, pois o tema proposto é inovador e a preparação foi bastante intensa. “Trabalhamos para fazer o melhor e mesmo com dificuldade vamos conseguir fazer isso tenho certeza”, disse Brígida.

FONTE: http://acritica.uol.com.br/vida/Chuva-abertura-Festival-Cirandas-Manacapuru_0_1202279803.html

Marina empata com Dilma no 1º turno e pode ganhar com 10 pontos de vantagem no 2º

Dilma e Marina têm 34% das intenções de voto cada no primeiro turno, mais do que o dobro de votos do terceiro colocado, Aécio Neves (PSDB)

O maremoto causado pela entrada de Marina Silva na corrida presidencial deste ano continua a causar estragos nos adversários e agora a candidata do PSB já aparece empatada em primeiro lugar com Dilma Rousseff (PT), derrotando com folga a presidente numa segunda rodada, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira.
Dilma e Marina têm 34% das intenções de voto cada no primeiro turno, mais do que o dobro de votos do terceiro colocado, Aécio Neves (PSDB), que aparece com 15%. Num segundo turno, a candidata do PSB venceria com 50% dos votos, contra 40% de Dilma. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.

Pesquisa Datafolha divulgada dia 18 mostrava Dilma com 36%, seguida por Marina com 21% e Aécio com 20%. Num segundo turno, Marina e Dilma estavam no limite do empate técnico, com a candidata do PSB à frente numericamente: 47 a 43%. Uma observação ligeira dos números sugere que Marina "rouba" votos de todos os candidatos e segue atraindo os indecisos. Os demais candidatos agora somam 3% das intenções de voto, contra 5% na pesquisa anterior; os indecisos passaram a 7%, ante 9%; os que planejavam anular ou votar em branco foram para 7%, antes eram 8%. Marina tem se beneficiado do fato de personificar melhor que qualquer outro candidato o desejo de mudança da população, expresso nas pesquisas eleitorais, e pela comoção causada pela trágica morte do ex-candidato do PSB Eduardo Campos, de quem era vice na chapa.

Além disso, ela tem um forte recall da última eleição, quando conseguiu quase 20 milhões de votos disputando a Presidência pelo PV. Por conta do processo de substituição de Campos e por circunstâncias específicas, como a entrevista no Jornal Nacional na noite de quarta-feira, Marina tem se beneficiado de uma forte exposição na mídia, que tem compensado com folga seu pouco tempo na propaganda eleitoral obrigatória no rádio e na TV.  As campanhas de Dilma e Aécio, que inicialmente evitavam atacar a candidata do PSB, já passaram a adotar outra estratégia. Aécio, por exemplo, tem batido na tecla de que ele representa a mudança com segurança em contraposição ao que chama de improviso, em alusão a Marina.

Nesta semana duas outras pesquisas mostraram Marina isolada em segundo lugar e derrotando Dilma num segundo turno. Pelo Ibope, Dilma tinha 34%, Marina 29% e Aécio 19%. Num segundo turno, Marina vencia Dilma por 45 a 36%. O Datafolha mostrou também oscilação para baixo na avaliação do governo Dilma. Depois da recuperação mostrada na última pesquisa, quando atingiu 38%, a avaliação ótima/boa passou para 35%. Já a avaliação ruim/péssima passou de 23 para 26%. O Datafolha ouviu 2.874 pessoas, na quinta-feira e nesta sexta, em 178 municípios do país.

FONTE: http://acritica.uol.com.br/noticias/Datafolha-mostra-Marina-Dilma-empatadas_0_1202279799.html

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Grêmio promete identificar torcedores que cometeram racismo

 

Porto Alegre - O Grêmio promete tomar providências para punir os torcedores que insultaram o goleiro Aranha, do Santos, com gritos racistas durante jogo da Copa do Brasil nesta quinta-feira (28), em Porto Alegre. O clube gaúcho quer se livrar de possíveis punições pelo acidente e para isso pretender usar o sistema de câmeras do estádio para identificar e punir os infratores. "Não podemos ser chamados de clube racista. Essa questão foi um ato individual e a arena tem condições tecnológicas de identificar as pessoas", disse após o jogo o assessor de futebol do Grêmio, Marcos Chitolina. Imagens da transmissão da TV mostram uma torcedora gritando "macaco" para o goleiro santista, que deixou o campo reclamando dos insultos.

Chitolina fez questão de diferenciar o episódio na Arena Grêmio do episódio mais recente de racismo no Rio Grande do Sul. Em jogo válido no Estadual, o árbitro Márcio Chagas da Silva foi hostilizado por torcedores do Esportivo após partida contra o Veranópolis. O juiz foi xingado e teve o carro danificado e com bananas deixadas sobre o capô.  O clube acabou punido com a perda de nove pontos e com isso, foi rebaixado. "O time do Esportivo não identificou os torcedores. Nós vamos tomar medidas cabíveis dentro do que manda a lei", explicou.

FONTE: http://new.d24am.com/esportes/futebol/gremio-promete-identificar-torcedores-cometeram-racismo/118953

Procuradores têm dez dias para se manifestar sobre intervenção em Coari

 

Manaus - O desembargador do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), João Simões, deu, na última segunda-feira, dez dias para que os procuradores geral do Estado, Clóvis Smith, e de Justiça, Francisco Cruz, se manifestem sobre a representação com pedido de intervenção no município de Coari.  A representação foi ingressada em junho deste ano pelo Ministério Público do Amazonas (MP-AM). Na ação, o MP-AM pede a intervenção no município porque, segundo o procurador-geral de Justiça, Francisco Cruz, o prefeito de Coari, Adail Pinheiro (PRP), mesmo afastado de suas funções e detido em Manaus, continuava participando das decisões administrativas da prefeitura.

Adail está preso desde fevereiro deste ano acusado pelo MP-AM de chefiar uma rede de exploração sexual de crianças e adolescentes e de favorecimento à prostituição em Coari. Ele foi afastado da gestão do município, no dia 14 de março deste ano, em uma decisão dada pelo desembargador Rafael Romano. Na época, o desembargador disse que o afastamento era para garantir a “incolumidade de provas apuradas, além de inviabilizar o uso de bens e serviços públicos com a finalidade de reiteração dos atos criminosos”.  No dia 22 deste mês, o prefeito em exercício, vice-prefeito Igson Monteiro (PMDB), apresentou ao TJAM a defesa no pedido de intervenção. Ele negou que Adail tenha ingerência na administração municipal. Segundo o advogado de Igson, Antônio Batista, o vice-prefeito estava à frente da prefeitura desde 13 de janeiro, antes da prisão de Adail, porque o então prefeito estava em Manaus.

O advogado disse que Igson permaneceu no cargo após a decisão judicial que afastou Adail Pinheiro das funções na Prefeitura de Coari. “Não há comprovação nos autos de que após a decisão judicial o gestor afastado continuou interferindo na organização administrativa do município. O Ministério Público não juntou qualquer prova, mínima que seja, de que o ex-prefeito tenha praticado diretamente, ou por interposta pessoa, qualquer ato de administração na Prefeitura de Coari após a sua prisão”, disse.

Bloqueio de bens

A Câmara Municipal de Coari publicou, ontem, no Diário Oficial dos Municípios, o Decreto Legislativo 012/14 que dispõe sobre o bloqueio das contas da Prefeitura de Coari, aprovado no dia 19 deste mês. Segundo os vereadores, o bloqueio das contas foi motivado por denúncias de atraso no pagamento de servidores e fornecedores da prefeitura. De acordo com o decreto, as contas da prefeitura só serão desbloqueadas após o julgamento do pedido de intervenção do município sob relatoria do desembargador João Simões.

fonte: http://new.d24am.com/noticias/politica/procuradores-dias-para-manifestar-sobre-intervencao-coari/118937

Definidos os grupos da Liga dos Campeões com Real contra Liverpool e Barcelona encarando o PSG

A maior competição de clubes do planeta começa dia 16 de setembro e em campo desfilarão os maiores astros do futebol mundial. O Grupo E promete ser o mais difícil com os gigantes Manchester City, Bayern, Roma e CSKA Moscou

ACRITICA.COM
O sorteio que definiu os grupos da Liga dos Campeões da Europa aconteceu na manhã desta quinta-feira (28), em Mônaco, na França. A expectativa era pela formação de um ou mais grupos da morte, porém o equilíbrio imperou em quase todas as chaves. A primeira rodada do torneio acontece nos dias 16 e 17 de setembro e a grande final está marcada para o dia de junho, no estádio Olímpico de Berlim, na Alemanha.

O atual campeão da competição, o Real Madrid, está no Grupo B, ao lado de Liverpool, Basel e Ludogorets, da Bulgária, que debuta na competição continental. Considerado uma chave tranquila, os merengues deverão ter mais trabalho com o time inglês, que conta com o atacante italiano Mario Balotelli.
Entre grupos equilibrados e outros nem tanto, a chave do torneio onde está o vice-campeão da última edição da Champions, o Atlético de Madrid tem pela frente a Juventus de Turin, o grego Olympiakos e o desconhecido Malmö, da Suécia. Em contrapartida, o Grupo E é de arrepiar. Neles estão o Bayern de Munique, do técnico Pepe Guardiola; além da italiana Roma; do campeão inglês, Manchester City e do russo CSKA Moscou. Destaque também para a chave F, que coloca frente à frente o Barcelona de Suárez, Neymar e Messi, contra o Paris Saint Germain de David Luiz, Thiago Silva e Ibrahimovic. Difíceis ou não, a verdade é que o maior campeonatano de clubes do mundo promete ser mais disputado do que nunca.

Confira todos os grupos da Liga dos Campeões:

Grupo A
Atlético de Madrid (ESP), Juventus (ITA), Olympiacos (GRE) e Malmö (SUE).

Grupo B
Real Madrid (ESP), Basel (SUI), Liverpool (ING) e Ludogorets (BUL).

Grupo C
Benfica (POR), Zenit São Petersburgo (RUS), Bayer Leverkusen (ALE) e Monaco (FRA).

Grupo D
Arsenal (ING), Borussia Dortmund (ALE), Galatasaray (TUR) e Anderlecht (BEL).

Grupo E
Bayern de Munique (ALE), Manchester City (ING), CSKA Moscou (RUS) e Roma (ITA).

Grupo F
Barcelona (ESP), Paris Saint-Germain (FRA), Ajax (HOL) e APOEL (CHP).

Grupo G
Chelsea (ING), Schalke 04 (ALE), Sporting (POR) e Maribor (ESQ).

Grupo H
Porto (POR), Shakhtar Donetsk (UCR), Athletic Bilbao (ESP) e BATE Borisov (BLR). 

fonte: http://acritica.uol.com.br/craque/Definidos-Campeoes-Liverpool-Barcelona-PSG_0_1201679854.html

Quadrilha rouba mais de R$ 100 mil de banco em Boa Vista dos Ramos (AM) e foge em voadeira

Durante a ação, um dos criminosos entrou no banco armado, rendeu o segurança e amarrou o gerente, enquanto outros dois ficaram do lado de fora: um portando um fuzil e outro na pequena embarcação, esperando os comparsas

Uma quadrilha roubou mais de R$ 100 mil de uma agência bancária do Bradesco em Boa Vista dos Ramos, município a 269 quilômetros de Manaus. De acordo com o coronel da Polícia Militar (PM) Valadares Pereira de Souza Júnior, comandante do Batalhão de Parintins, responsável pelo município de Boa Vista dos Ramos, os suspeitos fugiram do local em uma voadeira, passando depois para uma lancha mais potente, e conseguiram escapar sem serem identificados. A PM informou que, por volta de 12h desta quinta-feira (28), quatro homens deram início ao assalto, assim que entraram na agência. Durante a ação, um dos criminosos portava uma pistola, e a usou para render a segurança e subtrair o dinheiro. Dois ficaram do lado de fora enquanto isso, sendo que um deles portava um fuzil e o último ficou na voadeira, esperando os comparsas.

O gerente do banco foi rendido e amarrado enquanto a quantia era retirada dos caixas. Transeuntes, ao notar o que acontecia, chamaram o delegado da cidade, que morava perto do banco. Ele acionou uma guarnição policial, que foi dividida em dois grupos: um rumou para o banco e encontrou o gerente amarrado junto ao cofre, mas não os bandidos, que já haviam partido; enquanto o outro foi para a orla do rio Amazonas, que banha a cidade e é próxima do local do crime, para começar a procurar a quadrilha pela via fluvial. A guarnição de Boa Vista dos Ramos começou a perseguição aos assaltantes em duas lanchas, percorrendo o rio em direção ao município de Maués, a quilômetros 356 quilômetros da capital amazonense. Quando recebeu a informação de que os suspeitos foram vistos pela última vez saindo da voadeira e embarcando em uma lancha de motor mais potente, a PM contactou o Batalhão de Maués, que mandou outras três lanchas percorrerem o rio no sentido contrário, a fim de encontrar os ladrões.

Até a publicação desta matéria, as guarnições das duas cidades já estavam juntas e deram início a uma busca nas comunidades ribeirinhas localizadas no trecho do rio Amazonas, entre Maués e Boa Vista dos Ramos, onde os policiais suspeitam que os criminosos estejam escondidos. Eles iniciaram a busca nas três principais comunidades deste trecho: Amandi, São José do Cucuí e São João do Lago Preto. O coronel Valadares acredita que entre 20 e 30 policiais estejam participando da operação.

fonte: http://acritica.uol.com.br/noticias/Quadrilha-Boa-Vista-Ramos-AM_0_1201679862.html

Parintins é o 2° município mais populoso do AM; Japurá é o menor, com 5,6 mil habitantes COARI tem 82,2 Mil Habitantes

De acordo com dados do IBGE, a diferença entre Manaus e a segunda colocada é gritante: a capital tem pouco mais de 2 milhões de habitantes, enquanto Parintins tem meros 110,4 mil. A capital, porém, foi a quarta capital que mais cresceu no Brasil

O município de Parintins é o mais populoso do Amazonas, excluindo a capital, segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgada nesta quinta-feira (27). A diferença entre Manaus e a segunda colocada, portanto, é gritante: a capital tem pouco mais de 2 milhões de habitantes, enquanto Parintins tem meros 110,4 mil. Esse número, no entanto, é suficiente para colocá-la na lista de cinco cidades mais populosas do Estado, além de Manaus. As outras cidades dessa lista são Itacoatiara, com 95,7 mil habitantes; Manacapuru, com 92,9 mil; Coari, com 82,2 mil; e Tefé, com 62,6 mil. Esses números estão bem aquém dos nacionais: no País, a cidade mais populosa que não é capital é Guarulhos, em Ssão Paulo, com 1,3 milhão de habitantes, seguida de Campinas (também em São Paulo), com 1,1 milhão, e São Gonçalo, no Rio de Janeiro, com 1 milhão.

Menos populosos no AM

Já a lista cos cinco municípios menos populosos do Amazonas é encabeçada por Japurá, com meros 5,6 mil habitantes. Itamarati ficou na penultima posição do ranking, com 8,2 mil, seguido de Itapiranga, com 8,8 mil;, Silves, com 9 mil; e Amaturá, com 10,6 mil. O Brasil ainda conta com cidades bem menos populosas: Serra da Saudade, interior de Minas Gerais, tem apenas 822 habitantes e é a cidade menos populosa do Brasil. Na lista do IBGE, ela é seguida de Borá (SP), que tem 835, e Araguainha (MT), com mil pessoas. Com 3,8 milhões de habitantes, o Amazonas é o 14º Estado mais populoso da Federação, mas partilha da mesma Região que os três menos populosos: Roraima, que tem 469,9 mil habitantes; Amapá, com 750,9 mil; e Acre, que tem 790,1 mil habitantes. O topo da tabela dos Estados brasileiros em habitantes continua o mesmo, com São Paulo figurando na ponta, com cerca de 44 milhões de pessoas, seguido de Minas Gerais, com 20,7 milhões, e Rio de Janeiro, com 16 milhões.

Crescimento de Manaus

A pesquisa do IBGE também concluiu que Manaus foi a quarta capital que apresentou o maior crescimento entre 2013 e 2014. O crescimento foi de 1,92%, ficando atrás somente de Palmas (TO), que teve crescimento de 2,91. Brasília cresceu 2,25%, enquanto Macapá cresceu 2,17%. Manaus ficou na frente de capitais como São Paulo, que cresceu apenas 0,63%, Rio de Janeiro, que teve crescimento de 0,49%, Belo Horizonte, com 0,48%, e Rio de Janeiro, que teve crescimento de 0,37%.

fonte: http://acritica.uol.com.br/noticias/Parintins-populosa-AM-excluindo-IBGE_0_1201679860.html

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

TCE condena ex-gestor da Água de Itacoatiara em R$ 2,3 milhões

 
Manaus - O Tribunal de Contas do Estado (TCE) condenou, nessa quarta-feira (27), o ex-diretor do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) do município de Itacoatiara Moisés de Souza Rebouças a devolver R$ 2,3 milhões, além de multa de R$ 13 mil por, entre outros, compras feitas e serviços pagos que não foram executados, em 2012. O relator da prestação de contas, conselheiro Júlio Pinheiro, disse que, entre as demais irregularidades encontradas na auditoria realizada pelo tribunal, está um débito de R$ 1,6 milhão com a Amazonas Distribuidora de Energia parcelado em 100 vezes de R$ 16,7 mil. O parcelamento foi considerado prejudicial para a eficiência da entidade.

Segundo o conselheiro, o tribunal e o Ministério Público de Contas (MPC) encontraram 25 impropriedades na gestão do SAAE de 2012. Entre elas, estão não recolhimento de valores à Previdência Social, nomeações e pagamentos irregulares a servidores, ausência de documentos na prestação de contas, aditivos em contratos e dispensa de processos licitatórios sem justificativa. Moisés de Souza Rebouças foi considerado revel porque não atendeu aos ofícios e notificações do TCE. Ele tem 30 dias para recorrer da decisão ou quitar os valores. Na sessão dessa quarta, o TCE também julgou irregulares as contas de 2011 do Gabinete Militar da Prefeitura de Manaus, sob responsabilidade de Otávio Queiroz, e da Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (FHemoam), na gestão de Nelson Fraiji. Otávio Queiroz foi condenado a devolver R$ 9,6 mil correspondentes ao abastecimento de veículos acima da capacidade dos tanques de combustível. Ele também terá de pagar R$ 8 mil em multas.

Nelson Fraiji terá de pagar R$ 9 mil em multas por, entre outros, manter nove servidores com cargos dobrados na FHemoam e por promover um aditivo no contrato com a Cooperativa de Anestesiologistas do Amazonas (Coopanest). O ex-prefeito de Careiro Joel Lobo (PEN) teve as contas julgadas regulares com ressalvas e foi condenado a pagar R$ 24,1 mil por não encaminhar informações ao TCE e irregularidades na nomeação de dez servidores concursados. O TCE identificou a prática de nepotismo na contratação de dois assessores jurídicos do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM). O TCE deu 30 dias para que a presidente do TJAM, desembargadora Graça Figueiredo, exonere os servidores. Na sessão dessa quarta, o tribunal multou os prefeitos de Anamã, Jecimar Pinheiro (PSD), de Anori, Sanduray Xavier (PSD), de Beruri, Odemilson Lima (PSD), de Iranduba, Xinaik Medeiros (PTB), e de Manaquiri, Agnaldo Rodrigues (PRTB), em R$ 10,9 mil por não manterem atualizados os Portais da Transparência com informações financeiras dos municípios.

FONTE: http://new.d24am.com/noticias/politica/condena-gestor-agua-itacoatiara-23-milhoes/118859

Manaus passa de dois milhões de habitantes e é a 7ª cidade mais populosa do País

 

Manaus – Com 2.020.301 habitantes em 1º de julho deste ano, Manaus se mantém na posição de 7º município mais populoso do País, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) publicados, nesta quinta-feira (28), no Diário Oficial da União (DOU).  Em relação a 2013, quando 1.982.179 pessoas moravam na capital amazonense, o crescimento populacional foi de 1,92%, a quarta maior taxa do País e bem acima da nacional, de 0,86%. 

Em 2012, quando atingiu 1.861.835 habitantes, Manaus subiu da 8ª para 7ª posição no ranking das cidades mais populosas do Brasil. Manaus fica atrás apenas de São Paulo, que continua sendo a cidade mais populosa do País, com 11.895.893 de habitantes, seguida por Rio de Janeiro (6.453.682), Salvador (2.902.927), Brasília (2.852.372), Fortaleza (2.571.896) e Belo Horizonte (2.491.109).  De acordo com o levantamento do IBGE, a Região Metropolitana de Manaus (RMM) também se mantém na 11ª posição entre as mais populosa do Brasil, com 2.478.088. Em 2012, eram 2.283.906 moradores nos municípios de Iranduba, Manacapuru, Itacoatira, Novo Airão, Careiro da Várzea, Presidente Figueiredo e Rio Preto da Eva, além de Manaus.

Em todo o Estado, segundo o IBGE, já são 3.873.743 habitantes, 1,9% da população brasileira, de 202.768.562 habitantes. O Amazonas é o 14º mais população. Fora a RMM, depois de Manaus, Parintins (Médio Amazonas) é o município mais populoso, com 110.411 habitantes e Japurá (Alto Amazonas), o menos populoso, com 5.599 moradores. Japurá foi o quinto município brasileiro a registrar a menor taxa de
crescimento geométrico no período 2013-2014 (7,96%). Segundo o IBGE, o Amazonas tem quatro municípios de 5 mil a 10 mil habitantes, 21 de até 20 mil, 27 de até 50 mil, oito de até 100 mil, um de até 500 mil e um acima de 500 mil.

Brasil

Estima-se que o Brasil tenha 202,7 milhões de habitantes e uma taxa de crescimento de 0,86% de 2013 para 2014.  O Estado de São Paulo é o mais populoso, com 44,0 milhões de habitantes e 21,7% da população total do País, seguido de Minas Gerais, com 20,7 milhões de habitantes (10,2% da população total), e Rio de Janeiro, com 16,5 milhões de habitantes (8,1% da população total).  O Estado de Roraima é o menos populoso, com 496,9 mil habitantes (0,2% da população total), seguido do Amapá, com 750,9 mil habitantes (0,4% da população total), e Acre com 790,1 mil habitantes (0,4% da população total). As estimativas populacionais são fundamentais para o cálculo de indicadores econômicos e sociodemográficos nos períodos intercensitários e são, também, um dos parâmetros utilizados pelo Tribunal de Contas da União (TCU) na distribuição do Fundo de Participação de Estados e Municípios.

FONTE: http://new.d24am.com/noticias/amazonas/manaus-mantem-posicao-7-municipio-mais-populoso-pais-segundo-ibge/118877

Governo federal propõe salário mínimo de R$ 788,06 para 2015

O reajuste de 8,8% está contemplado no projeto de Lei Orçamentária Anual (Ploa), que traz uma mensagem da presidente Dilma Rousseff com um diagnóstico sobre a situação econômica do país e suas perspectivas

A partir de 1º de janeiro de 2015, o salário mínimo deve ser R$ 788,06, segundo o Projeto de Lei Orçamentária Anual (Ploa) 2015. Um reajuste de 8,8%. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (28) pela ministra do Planejamento, Miriam Belchior, depois de entregar a proposta ao presidente o Congresso, Renan Calheiros (PMDB-AL). A ministra antecipou que o texto prioriza investimentos em saúde, educação combate à pobreza e infraestrutura.  A peça orçamentária traz uma mensagem da presidente Dilma Rousseff com um diagnóstico sobre a situação econômica do país e suas perspectivas.

Pela Constituição, o prazo de entrega do projeto pelo Executivo termina no dia 31 de agosto. Mas, com a expectativa de conclusão da votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), que define as metas e prioridades da administração pública federal, só na semana que vem, durante o esforço concentrado, o governo se antecipou. A LDO deveria orientar a elaboração da peça orçamentária. “Coloquei  toda a equipe do Ministério [do Planejamento] à disposição, para os esclarecimentos necessários, para que o Congresso possa fazer uma análise rápida do Orçamento e votá-lo até o fim do ano, prazo que o presidente do Senado [Renan Calheiros], confirmou que é possível fazer”, explicou a ministra. O Orçamento Geral da União (OGU) é formado pelo orçamento fiscal, da seguridade e pelo orçamento de investimento das empresas estatais federais. A Constituição determina que a proposta seja votada e aprovada até o dia 22 de dezembro.

No projeto de lei, também consta a estimativa para a inflação, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), em 5%, no próximo ano. A projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, ficou em 3% (R$ 5,756 trilhões). O governo estima que o superávit primário para o setor público consolidado será R$ 143,3 bilhões, valor que corresponde a 2,5% do Produto Interno Bruto (PIB) – soma de todos os bens e serviços produzidos no país. Com o abatimentos, o superávit primário vai para R$ 114,7 bilhões, correspondentes a 2% do PIB.
O superávit primário é a poupança para pagar os juros da dívida que o governo seus credores. Na medida em que o país consegue alcançar as metas de superávits primários, tem condições de pagar dividas.

FONTE: http://acritica.uol.com.br/noticias/Governo-federal-propoe-salario-minimo_0_1201679835.html

Estão abertas as inscrições para a série de oficinas oferecidas pelo Projeto Envolva-se EM COARI

Estão abertas as inscrições para a série de oficinas oferecidas pelo Projeto Envolva-se – Práticas para a Cidadania. A iniciativa está rodando o país com o propósito de estimular o protagonismo e a promoção de ações que contribuam para a melhoria da qualidade de vida da população brasileira. As próximas oficinas acontecem no estado do Amazonas, no mês de setembro. O primeiro município a receber a iniciativa é Coari, no dia 11, em Manaus, a oficina acontece no dia 13, e em Carauari, será no dia 17. As inscrições podem ser feitas por meio do site www.envolva-se.com, ou pelo fone (51) 3019-3913 (com ligação a cobrar). Estão convidados a participar, além dos cidadãos moradores da região, lideranças comunitárias, empresários, representantes do governo, etc.

Nos encontros, que acontecem das 8h às 18h, serão trabalhadas, de forma prática, questões que envolvem cidadania e comunicação. Além de dinâmicas interativas, a oficina promoverá o diálogo entre comunidade, governo, empresas, sociedade civil organizada e cidadãos interessados em contribuir para melhorar a qualidade de vida de cada região. Estão convidados a participar, além dos cidadãos moradores da região, lideranças comunitárias, empresários e representantes do governo. A inscrição é gratuita e inclui almoço para os participantes. Já foram realizadas oficinas em Araucária, no Paraná, em Betim e região, em Minas Gerais, em Mauá, São José dos Campos e Caraguatatuba, em São Paulo, em Maceió, Alagoas, e Aracajú, no estado de Sergipe, em Cabo de Santo Agostinho, Pernambuco, em Itaboraí e Macaé, no Rio de Janeiro, em Canoas, no Rio Grande do Sul, em Valença, São Francisco do Conde e Alagoinhas, na Bahia, em Mossoró, no Rio Grande do Norte, em Fortaleza, no Ceará, e em São Mateus e Vitória, no Espírito Santo.

“Por meio do Envolva-se, a intenção é valorizar as histórias de transformação local em diferentes regiões do país, fazendo com que a população perceba que a mudança também está em suas mãos, tirando-a da posição de espectadora. Para isso, a oficina proporcionará um espaço de diálogo entre representantes da comunidade, governo, empresas, sociedade civil e cidadãos”, explica Cristiane Ostermann, diretora da empresa Signi Estratégias em Responsabilidade Social, parceira do projeto.

Durante a oficina, a comunicação comunitária também será apresentada como uma ferramenta de mobilização e de formação da consciência do trabalho coletivo. “O desenvolvimento das comunidades por meio da comunicação faz sentido numa época em que o uso das tecnologias e das redes sociais é crescente. Atividades como as propostas pelo Envolva-se fortalecem o propósito de avanços sociais em seus diferentes níveis”, argumenta Neusa Ribeiro, vice-presidente do Instituto de Comunicação Social e Cidadania (Incomun).

O projeto é uma realização do Instituto de Comunicação Social e Cidadania (Incomun), em parceria com a empresa Signi e com o patrocínio da Petrobras.

fonte: www.envolva-se.com